A Força Nuclear



Sempre gostei muito de Física e vou falar um pouco aqui , com um foco voltado mais para Eletrônica   .


No modelo atômico atual o átomo é formado por três tipos de partículas : Prótons , elétrons e nêutrons . Os prótons e nêutrons formam o núcleo . Os elétrons movem-se em torno do núcleo . Mas não conhecemos sua trajetória . Imaginamos apenas ! É muito interessante isso é um fenômeno criado por DEUS . À Física é uma ciência impressionante : Quanto mais se estuda mais se aprende . A primeira experiência foi feita com um material chamado âmbar . É semelhante ao plástico , é o resultado do endurecimento da seiva de árvores (tem cor amarela ou castanha ) . Quando é atritado com lã ou pele de animal adquire a propriedade de atrair objetos leves como : Penas , fios de algodão , fios de cabelo e pedaços de palha .       
Um corpo quando está em estado normal , ou seja , não eletrizado , possui um número de prótons igual ao número de elétrons  . Se este corpo perder elétrons  , estará com excesso de prótons , isto é apresentar-se-á eletrizado positivamente . Se receber elétrons , possuirá um excesso destas partículas e estará eletrizado negativamente . É muito importante entedermos isto , de um modo geral e para os que trabalham com : Eletrônica , Mecatrônica e Ciência da Computação .

  

A FORÇA NUCLEAR  



À medida que dois prótons se aproximam , as forças de repulsão elétricas ficam cada vez mais intensas . Sendo assim , como é possível que eles fiquem juntos no núcleo ? A razão é que entre os prótons existe outro tipo de força ( além da gravitacional e da elétrica ) , com as seguintes características : É uma força de atração , ela só existe quando a distância D entre os prótons é tal que 

D  \leq 10−15   m ; para D  \leq 10−15   m , ela é mais intensa do que a repulsão elétrica . Esta força é conhecida como força nuclear , 
A força nuclear atua também entre dois nêutrons , assim como entre um próton e um nêutron ; é ela como podemos concluír que garante a estabilidade do núcleo . 
OBS . Este é o motivo de ser muito difícil arrancar prótons e nêutrons do núcleo de um átomo . é muito mais fácil arrancar elétrons , que não sofrem a ação da força nuclear .Vamos antes de prosseguir com este brilhante assunto , estudar sobre as Constantes Fundamentais da Física .    

Constantes Fundamentais e Dados Sobre a Terra 

Velocidade da luz no vazio c = 3,0 X 108 m/s 

Constante de Planck h = 6,63x10-34J.s.

Constante de Boltzmann k B = 1,373 x 10-2J/K.

Constante de Stefan-Boltzmann  {\displaystyle \sigma =5.670400(40)\times 10^{-8}\ {\textrm {W}}\,{\textrm {m}}^{-2}\,{\textrm {K}}^{-4}}

Carga do elétro e = -1,60217653(14)×10−19 C

Constante Gravitacional Universal  {\displaystyle G=6,67408\times 10^{-11}\quad m^{3}kg^{-1}s^{-2}}

Constante Universal do Gás R = 8.315 J mol-¹ K-¹

Constante de Avogadro NA =  6,022 . 1023 mol-¹

Lei de deslocamento de Wien's λmT = {\displaystyle b=2.8977685\times 10^{-3}}

Massa do elétro  = 9.109×1 0-³ kg 

Mass do próton mp = 1.673×1 0-²7 kg

Mass do nêutron mn = 1.675×1 0-²7 kg

Unidade de massa atómica (a.m.u.) = 1.661×10-²7 kg

Dados Astronómicos

1 parsec (pc) = 3.086×10¹6m

1 Unidade Astronómica (UA) a⊕ = 1.496×10¹¹m

Massa Solar M⊙ = 1.989×10³0kg

Raio Solar R⊙ = 6.955×106

Luminosidade Solar L⊙ = 3.826×1026w

Magnitude aparente do Sol ao meio-dia m⊙ = −26.72mag

Constante Solar (na Terra) = 1366W m-²

Diâmetro angular aparente do Sol θ⊙ = 30'

Massa da Terra M⊕ = 5.972×10²kg

Raio da Terra R⊕ = 6.371×106m  

1 Ano tropical = 365.242 dias solares
= 3.156×107 s

Massa de Jupiter MJ = 1.898×1027 kg

Raio orbital de Jupiter RJ = 5.203 UA



Letras de alguns componentes na placa ou diagrama


AT - atenuador
BR - ponte retificadora
BT - bateria
C - capacitor
CN - rede capacitiva
D - diodo ( zener)
DL - linha de atraso
DS - display
F - fusível ou fusitor
FB ou FEB - barra de ferrete ( como os que ficam perto dos pluges das fontes)
FD - marcador - ( fideiciary market)
J - Jack (conector, principalmente fêmia)
JP - jumper ( fio, conexão sem resistência)
K - relé
L - indutor ( bobina)
LS - buzzer
M - motor
MK - microfone
MP -parte mecânica ( parafusos, fixadores)
P - conector ( geralmente macho
PQ - transistor regulador de tesão
Q - transistor
PS - fonte de alimentação
PV - circuito integrado do sistema regulador de tensão
R - resistor
RN - rede resistiva
RT - termistor
RV - varistor
S - switch ( todos , ate de botões)
T- transformador
TC - termopar
TUN - sintonizador
TP - ponto de teste
U - circuito integrado
U - válvula
UR - resistor variável ( potenceo
metro)
X- transdutor ( exceto alguns )
Y - cristal ou oscilado
Z - ou zd - diodo zener
Algumas letras em código de componentes na placa de alguns eletrônicos.
Agora vamos ver algumas siglas que vemos nos diagramas de alguns eletrônicos.
GND - ground (terra)
ACV - alternated current voltage
VCC - tensão corrente continua
VDC - voltage direct current
VDD - tensão corrente continua/control power supply(controle de energia)
DCV - direct current voltage
DM - dados negativo ( conector usb)
DP - dados positivo (conector usb)
ID - poder ser gnd, N/C ou indicador de presença(conector usb)
VBAT - tensão da bateria
USB - universal serial bus ( universal serial bus)
VREF - tensão de referência/schema referência/power reference
TP - ponto de teste
BAT - bateria
KB - key board (placa de teclado, botão na placa etc...)
KB VOL UP - key board vol up (chave de volume pra acima)
KB VOL DOWN - key board volume down (chave de volume pra baixo)
THERM - termistor
IN ou INPUT - entrada
OUT - saída
VOUT - tensão de saída
VIN - tensão de entrada
PWR - power
PWR KEY - power key (botao power, chave de energia, etc....)
VREG - tensão regulada
RST - reset
RF - radio freqüência
SDA - state data(dados)
SCL - state clockclock
CLK - clock
OSC - oscilador
/INT - para o sensor
PWM - pulse wave modulation(modulação de onda de pluso, conhecida como "onda
quadrada")
PA - amplificador de potência
PMIC - power management itegrated circuit (circuito integrado de gerenciamento de
energia)
PM - power management (gerenciamento de energia)/ phase modulation (modulação
por fase)
BATFET - Battery Field Effect Transistor (transistor de efeito de campo de bateria)
A/D - analog to digital (analógico/digital)
ACI - adjiacent channel iinterference
ACDRV AC - adapater to system- switch drivers output
ACEDET - adaptor current detector
ACGOOD - valid adapter Active- low detectar logic open- drain output
ACIN - adaptor current sensor inpout
ACN - adapter current sense resistor
ACOP - input over-power protection
ACOV - input overvoltage protection
ACP - adapter current sense resistor, positive input
ADP+ - adapter positif suplay
ADP_ID - adapter identity
AGND - analog ground
AGC - automatic gain control ( controle automático de ganho)
ALWP - always on power
ANT - antena
B+ - AC ou bat power rail for power circuit
BAT+ - bat power rail for power circuito
BAT_DRV - bat fet gate driver
BAT_V - battery voltage
BOM - bill of material management
BT - button
BT_EN - bluetooth enable
BUZER - conneceted
BYP - baypass
CCD - chage- coupled device (dispositivo de carga acoplada)
CCI - cochannel interferece (interferência por co-canal)
CCU - camera control unit (unidade de controle de câmera )
CDMA - code division multiple acess
CHGEN - charge enable active- low logic input
CIN - input capacitor
CPU - central processing unit (unidade central de processamento)
CLK_EN - clock enable
CN ou CON - conector
CODEC - coder/decoder(codificador/decodificador)
CRT - cathode ray tube
CTL - control (controle " trilha de")
CSIN - current sensor input positif
dB - decibel (unidade logarítmica)
DM - dim/dim socket/soket memory/soket DDR
DOCK - docking socket
EC - enable controle
EC_ON - embeded controler enable
EMI - elektromomagnetik iinterference"gangguan elektromagnetik"
EN - enable
ENTRIP - enable terminal
F - fusil
FSEL - frequency select input
GATE - trigger gate
GP - ground pin
GPI - general power input
GPIO - general power input output
HDMI - high definition multimídia interface
HP - Horse power
HPA - High power amplifier
ID - contínuos drain current
IDM - pulsed drain current
IIN - operating supply current
IIN - (SHDN) Shutdown Supply Current
IIN - (STBY) Standby Supply Current
I/O - in/out (entrada/saída)
IS - Continuous Source Current (Diode Conduction)
IVIN - battery Supply Current at VIN pin
JP - jumper point
KBC - Keyboard Controler
LCDV - lcd power
LDO - linear Driver Output
LGATE - lower-side MOSFET gate signal
LAN - local area network (rede local)
LNA - low noise amplifier (amplificador de baixo ruido)
LPC - Low Pin Count
LVDS - Low-voltage differential signaling(SYSTEM PENSIGNALAN)
MBAT - main battery
NB - north bridge
ODD - output disc driver
PCI - peripheral component Interconnect
PGOOD - power good open-drain output
PIR - product improved record
PSI - purrent indicator input
PVCC IC - power positive supply
RAM - random access memory (memória de acesso aleatória)
RF - radio frequency (radiofreqüência)
RSMRST - resume Reset
RTC - real time clock
SB - south bridge
SDI - serial digital interface (interface digital serial)
SHDN - shutdown
SMD - surface mounting device (dispositivo de montagem em superfície)
SYS_SDN - system Shutdown
SPI - serial peripheral interface
SW - switch (botão)
TD - death Time
THRM - thermal sensor
TMDS - thansition minimized differential signaling(TRANSMISI DATA TEKNOLOGY)
TP - TEST POINT
TPAD - THERMAL PAD
UVLO - input Undervoltage Lock Out
V RAIL(POWER)
V+ - positive voltage
VADJ - output regulation voltage
VALW - always on power
VALWP - valm pad
VBAT - battery power
VCA - tensao corente alternarda / voltage controles amplifier
VCCP - power chip(ich,graphic chips)
VCORE - power procesor
VDD - control power supply
VDDR - power ddr (VDRAM/VRAM/VMEM)
VDS voltage drain source
VFB - feedback inputs Power
VGA - video graphics array
VGS - voltage gate sources
VIN - input voltage range
VIN - adapter power supply (vol_in)
VL - power lock
VL - voltage across the load/Tegangan beban resistor
VL - Voltage Linear
VLDOIN - power supply of the VTT and VTTREF - output stage (to Power MOS)
VOT - Volt_Out
VPH_PWR - voltage phase power(energia de fase de tensão)
VRAM - Power Memory
VREF - Power Reference/Schema Reference/Tensão de referência
VS SUITCH - POWER
VS+ support voltage positif
VSB - power switch button
VSS - signal ground
VSW - power Switch
VTT - memory Termination Voltage
VTERM - memory Termination Voltage
VUSB - power usb
VGA - power vga (VGPX/VGPU/VCVOD)
VGFX - power graphic CHIP
VREF - voltagem de referentes
CIPRI 08681684048







OS QUARKS 



Toda a matéria que vemos é formada de átomos . Esses são formados de partículas mais simples : Prótons , Elétrons e Nêutrons . Descobriu-se depois que os átomos são formados de partículas mais simples ainda que são os Quarks . Até hoje foram identificados seis tipos de Quarks . Para cada um existe um Antiquark , que tem carga elétrica oposta à do respectivo Quark . Um fato muito significante é que os Quarks têm cargas elétricas menores do que a carga elementar e .




Geração
SABOR
SÍMBOLO
CARGA (E)
MASSA
MEV/C²
Primeira
UP
U
+2/3 e
1.8-3.0

DOWN
D
-1/3e
4.1-5.7
Segunda
CHARMED
C
+2/3e
1290

STRANGE
S
-1/3e
100
Terceira
TOP
T
+2/3e
173000

BOTTOM
B
-1/3e
4190



De acordo com essa teoria , o próton é formado de dois quarks up e um quark down . E o nêutron é formado por um quark up e dois quarks down . É importante ressaltar dois fatos . Em primeiro lugar , as evidências da existência dos quarks são indireta . Até agora não se conseguiu obter um quark isolado . Em segundo lugar , os quarks se combinam sempre formando partículas cujas cargas são múltiplos da carga elementar e  . Portanto continua sendo verdadeira a afirmação de que a menor carga elétrica isolada encontrada na natureza é a carga elementar e . 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui :